Se o destino for alcançável de moto
nós iremos lá!

Webmail Área Reservada

Histórias e viagens de Osvaldo Garcia

animaram noite na sede no MCP

Noite Viajantes Osvaldo GarciaPerante numerosa e muito atenta plateia, Osvaldo Garcia proporcionou mais uma interessante tertúlia na sede do Moto Clube do Porto, recordando algumas das ousadas aventuras dos últimos anos. Destaque essencial para duas longas viagens a solo – se pudesse alargar-se na conversa ainda hoje lá estaríamos, tamanho é o seu currículo de viajante!... – incidindo na travessia até à África do Sul com a AJP PR4 e na ida à Ilha de Man, para assistir às corridas de clássicas, aos comandos da “compacta” Honda NSR 50.

Apostando nas cilindradas mais pequenas para ampliar a prazer da viagem, tornando mais extensa cada deslocação, gozando a moto por muito mais horas e, não menos importante, podendo apreciar com tempo cada pormenor dos locais por onde passa, das estradas (e caminhos…) que utiliza. Estórias de viagens diferentes, com velocidades bem tranquilas mas de ousada envergadura, onde cada episódio ganha outra dimensão, espantando meio mundo à sua passagem. Comentários e perguntas como “Vens de onde? De Portugal??? Impossível…” fartou-se de ouvir ao longo dos dias passados na estrada, granjeando enorme respeito por onde passava.

Viagens que surgiram como desafios naturais para quem, ao longo de toda a vida e desde muito novo, convive com as motos de forma descomplexada e apaixonada. Com todo o tipo de motos em todo o tipo de percursos, gerando experiências ímpares que muitos quiseram ouvir em discurso direto, na primeira pessoa. E que, naturalmente, levantou as mais diversas questões, de sentido prático ou simples curiosidade, criando um ambiente muito animado na sede do MCP.

Obrigado Osvaldo. Volta sempre.

Noite Viajantes Osvaldo Garcia Noite Viajantes Osvaldo Garcia Noite Viajantes Osvaldo Garcia Noite Viajantes Osvaldo Garcia

Surfar a cultura em ondas da diversão

23.º Moto Rali do Moto Clube do Porto

Pela Costa de Prata, nas ondas com o Zé

Muita diversão e cultura, animação e jogos entusiasmantes, descobertas históricas e paisagens fantásticas, sempre com o mar por perto, marcaram a 23.ª edição do Moto Rali do Moto Clube do Porto, segundo evento pontuável para o 21.º Troféu Nacional de Moto Ralis Turísticos FMP/Dunlop.

Jornada dividida entre Alcobaça e Peniche, com muito interessante ‘road-book’, produzido com apoio da Lidergraf e desenhado para mostrar região onde as artes tradicionais da cerâmica se fundem com modernas unidades fabris de faiança. E onde o mar dá o sustento a gerações de pescadores e é palco de assustadores recordes em frágeis pranchas de surf, onde a história de Portugal está gravada em monumentos únicos.

Ler mais...

Bifanas e Papas da Amélia...

...fazem estreia na Moto da noite

Na passada sexta-feira 7 a sede do Moto Clube do Porto animou-se para provar as habituais bifanas, mas agora com mão da Amelia, mãe da Anatilde.

Ao mesmo tempo para a Moto da noite o parque ia-se compondo com motos um pouco diferentes do habitual, já que muitos dos associados se encontravam fora do Porto no nosso Moto Rali.

Assim foi possível apreciar motos de outras marcas que não as habituais, o que em parte facilitou a escolha por parte do júri incumbido da "árdua" tarefa de escolher a moto da noite.

O júri constituído pelo sócio Abel Alfama, o seu filho Gonçalo Alfama e acompanhados pela Regina Azeredo, esposa do nosso sócio Abilio, que conferiu um toque feminino na eleição, o que é sempre importante para dar mais credibilidade a este evento peculiar.

Entretanto os associados e amigos já se deliciavam com as Bifanas e as Papas, qual novidade neste dia, enquanto o júri se embrenhava por entre as motos do parque para melhor decidir qual a eleger.

Depois de cada jurado esgrimir as suas preferênciasa disputa foi em renhida, e no final a escolha recaiu na MV AGUSTA F4 EV03 do sócio Artur Melo, que como habitual teve direito à mini da praxe e respetivo diploma para premiar e certificar o vencedor.

E para o mês que vem há mais...

fazem estreia na Moto da noite

 

 

Na passada sexta-feira 7 a sede do Moto Clube do Porto animou-se para provar as habituais bifanas, mas agora com mão da Amelia mãe da Anatilde.

 

Ao mesmo tempo para a Moto da noite o parque ia-se compondo com motos um pouco diferentes do habitual, já que muitos dos associados se encontravam fora do Porto no nosso Moto Rally.

Assim foi possível apreciar motos de outras marcas que não as habituais, o que em parte facilitou a escolha por parte do júri incumbido da "árdua" tarefa de escolher a moto da noite.

O júri constituído pelos sócios Gonçalo Alfama e Abel Alfama foram acompanhados pela Regina Azeredo esposa do nosso sócio Abilio, que conferiu um toque feminino na eleição, o que é sempre importante para dar mais credibilidade a este evento peculiar.

 

Entretanto os associados e amigos já se deliciavam com as Bifanas e as Papas, qual novidade neste dia, enquanto o júri se embrenhava por entre as motos do parque para melhor decidir qual a eleger.

 

Depois de cada jurado esgrimir as suas preferências foi em renhida disputa que a escolha recaiu na MV AGUSTA F4 EV03 do sócio Artur Melo, que como habitual teve direito à mini da praxe e respetivo diploma para premiar e certificar o vencedor.

 

E para o mês que vem há mais...

Manuel Marinheiro vai continuar ao leme

da Federação de Motociclismo de Portugal

20170411 Manuel MarinheiroCom a presença dos três delegados eleitos do Moto Clube do Porto, Carlos Gomes, Paulo Ribeiro e Armando Moutinho, a eleição para os Órgãos Sociais da Federação de Motociclismo de Portugal, no passado sábado, ditou a recondução de Manuel Marinheiro para segundo mandato de quatro anos na presidência da FMP. Resultado esclarecedor que deu à lista A, defensora do lema “Pelo Motociclismo”, 34 votos para a Presidência, Direção e Assembleia geral dos 39 delegados que exerceram o seu direito, presencialmente ou por correspondência, dos 40 inscritos nos cadernos eleitorais. 

A lista B, liderada por Jorge Morgado, conseguiu 3 votos para estes Órgãos Sociais, sendo ainda considerado nulo um dos votos colocado nas urnas na sede da FMP. A lista A garantiu igualmente a maioria absoluta nas restantes áreas a votação tendo em vista o período compreendido entre 2017 e 2020, Conselho de Disciplina, Conselho de Arbitragem, Conselho de Justiça e Conselho Fiscal.

Passeio TT noturno MCP 2017

Rolar ao som do Luar

Apesar de estar luar espectacular, tivemos de levar luz para este passeio noturno. Alguns até esgotaram o stock de lanternas Led das lojas asiáticas da sua zona, que depois de aplicadas com fita, pareciam autenticas centrais eléctricas.
Começamos com algumas hesitações iniciais, mas depois de entrar no ritmo e formar uma caravana ondulante na escuridão da serra, o verdadeiro espectáculo de luz e cor estava montado.
O TT praticado de noite transforma os caminhos habituais em novidades, conferindo-lhes uma dimensão fantasmagórica repleta de sombras.
Destes passeios, também fazem parte algumas paragens obrigatórias, umas vezes, para apreciar o silêncio da serra, outras para observar as luzes da cidade.

Numa dessas paragens, conforme dita a tradição dos passeios TT descomplicados do MCP, aproveitamos para tomar um aperitivo que, para além de nos aquecer, preparou-nos para o repasto que se seguiria.

Um homem tem de se alimentar mas...

A Carla e a Susana preparam-nos uma ceia tão luxuosa que, por nós, o passeio podia ter acabado logo ali. E no meio do monte.
A gula atrasou a partida e o reinicio foi somente por volta das 03:00h. Lá seguimos novamente em caravana e mesmo algumas quedas e avarias não impediram a continuação do passeio, pois
tudo se resolveu, com a solidariedade do grupo.
Ensonados mas contentes, chegamos ao fim ainda não tinha nascido o dia.
Gostamos disto. 

Jantar da Multa

com feijoada na hora

Apesar de ser no dia das mentiras, o jantar da multa lá se realizou, com pouca gente, mas os que tiveram...aproveitaram.

Entre a feijoada confecionada no clube e outras iguarias, mais uma vez, os sócios aproveitaram para partilhar viagens passadas e planear algumas para breve.

Boa comida e boa cavaqueira, ajudou a que o tempo passasse a correr.

Pró ano temos mais.

 

Faleceu Lizuarte Gomes

sócio fundador do MCP

Elemento fundador do Moto Clube do Porto, detentor do cartão de sócio com o número 13, Lizuarte Gomes faleceu esta semana, vítima de um cancro do esófago, doença que se propagou de forma muita rápida, sem qualquer possibilidade de cura. A missa de 7.º dia será na segunda-feira, dia 10, na Igreja do Foco (Igreja Nossa Senhora da Boavista) pelas 19 horas.

Apaixonado por tudo o que tivesse rodas, Lizuarte foi excelente anfitrião do MCP em Dezembro de 2007, mostrando inúmeras preciosidades em coleção que conta com motos antigas, clássicas e outros belíssimos e exclusivos exemplares mais recentes. Mais recentemente começou a criar uma coleção de automóveis onde pontuavam vários Lamborghini, modelos cuja reconstrução muito o entusiasmavam.

De caráter reservado mas sempre simpático e solícito, Lizuarte Gomes nunca deixou de lutar, acreditando até ao último momento na vitória sobre a doença, e mostrando o seu grande amor pelo Moto Clube do Porto mantendo o pagamento as quotas sempre em dia e ficando ao corrente da vida do clube através dos boletins e alguns contactos com outros sócios.

Descansa em paz Lizuarte

 

6º passeio surpresa MCP / Vasco's Garage

Bom tempo ajudou à festa

20170402 03 Passeio SurpresaFoi no passado domingo, 2 de Abril, que se realizou a 6ª edição do Passeio Surpresa.

O lema desta série de passeios é serem simples, económicos e apenas conhecer-se o rumo a seguir na hora da partida. O compromisso é não utilizarmos auto-estradas com portagem ou pórticos, almoçar em regime de piquenique e ser um passeio aberto a motociclos de qualquer cilindrada, sendo certo que este decorrerá ao ritmo do mais lento.

Pelas 8:15 começaram a chegar os primeiros participantes às instalações do patrocinador desta edição – Vasco’s Garage – uma simpática empresa maiata com pergaminhos afirmados nas pequenas cilindradas e bem conhecida do mundo vespista. Depois de aconchegar o estômago com o café quente e tudo o mais que o patrocinador colocou à disposição dos participantes e promover-se ao registo da praxe, passou-se de imediato à acção, num curto ‘briefing’ onde se deu a conhecer o trajecto e destino propostos.

Iríamos percorrer neste belíssimo dia primaveril, a pitoresca EN222 até ao Peso da Régua  e regressar pela não menos interessante EN108, percorrendo ao todo cerca de 300 km de pura e entusiasmante condução, tão ao gosto das cilindradas mais baixas presentes, representadas maioritariamente pelas italianas Vespa e indianas LML. O passeio não defraudou as maxi-motos que se viram obrigadas a reduzir o andamento face aos mais lentos, ou inexperientes.

Abandonamos a EN222 poucas mas justificadas vezes. A primeira vez, para dar a conhecer a zona ribeirinha de Crestuma, que nos remete num ápice para o início do século passado. Depois, para uma merecida pausa junto à foz do rio Arda e por fim, para acedermos ao local eleito para o almoço, o parque de merendas da praia fluvial de Porto do Rei.

A partir daqui, chegamos ao Peso da Régua num ápice e daí invertemos o rumo,  desta vez pela EN108 até casa.

Findo este, aguarda-se já pelo próximo Passeio Surpresa, já em Setembro e nos mesmos moldes, ou não…

Surpresa!!!

Obrigado à Vasco’s Garage pelo apoio concedido. 

 

À Descoberta surpreende!!!

Não vai ser para sul… Nem vai usar road book…!!

4ª edição - À DESCOBERTA – Chaves 2017 - Trás os Montes
Nos dias 29 e 30 de abril e 1 de maio, vai decorrer no norte de Portugal a 4ª edição do já famoso “À Descoberta” do Moto Clube do Porto.
Com epicentro em Chaves, este evento vai desenrolar-se em 3 dias, sendo fim de semana e segunda (feriado), como habitualmente!
As inscrições vão estar abertas até ao dia 21 de Abril, e custam 120€ por pessoa, sendo que para sócios MCP e clientes Mototrofa/MT Motor o valor especial será de 90€ por pessoa.
Não estão incluídas as dormidas nem o combustível, mas as refeições, trajecto em GPS e outros detalhes, sim.
Mais um evento super divertido e de grande convívio, de divulgação turística do nosso Portugal.
Contamos contigo.

Ler mais...

Ronda das Francesinhas Adiada

20170325 Mini FrancesinhaCaros amigos!!

Um evento com as características da “Ronda das Francesinhas”, convida ao convívio, ao relaxe, ao bem estar e a disfrutar do meio em que nos inserimos!

Andar a passear de moto, a visitar restaurantes e a degustar especialidades, sabe muito melhor quando na companhia de amigos e com bom tempo!!

Neste fim de semana de 25 e 26 de Março, a parte dos amigos estaria assegurada, mas o bom tempo decidiu não nos fazer companhia, e como tal, não permitir que o evento viva com alegria o dia previsto.

Nós somos apologistas do bem estar, e felizmente, este evento pode ser organizado em qualquer altura, pelo que, devido às más condições atmosféricas esperadas, preferimos adiar a “Ronda das Francesinhas” para uma altura em que o tempo seja uma mais valia e não um impedimento. Este evento é para atrair todos aqueles que conduzem uma moto, seja qual for a cilindrada, e conseguir por a cidade a mexer, com o maior numero possível de motos a circular de um lado para o outro!

É para cada um poder convidar os seus amigos e virem em grupo!

Com mau tempo, ninguém vem! Ninguém tem vontade de vir!

Pedimos desculpa, mas para o bem do motociclismo e dos praticantes e aderentes destes eventos, tomamos a decisão de adiar para uma data futura, este evento, sendo certo que contamos com vocês todos na nova data a anunciar brevemente!

E comecem já a inscrever-se!

Até breve e obrigado.

Moto Clube do Porto 

Tasco da Lena em grande estilo

Tascos Sem Fronteiras - A Cozinha da LenaFoi neste sábado 18 de março, que 65 convivas entre sócios e amigos, se reuniram em mais um “Tascos Sem Fronteiras”, para mais uma degustação groumet à moda dos tascos.

Na cozinha da Lena, restaurante típico mas com ar moderno, serviu-se quatro saborosos pratos da nossa gastronomia nortenha.

Desde o bacalhau com natas, arroz de pato, rozões e as típicas tripas à moda do Porto, houve ainda espaço para as belas papas de sarrabulho.

Ler mais...

Motos continuam a poder andar nas serras de Valongo!

Já entrou em vigor diploma que classifica Parque das Serras do Porto como Paisagem Protegida Regional

Ouvindo e respeitando os pareceres de amplo grupo de motociclistas que juntou clubes, entre os quais o Moto Clube do Porto e Extreme Clube Lagares, empresas, pilotos e outras entidades além de contar com empenhado apoio da Federação de Motociclismo de Portugal, a Associação de Municípios Parque das Serras do Porto alterou as condições inicialmente impostas para a criação de uma vasta área de paisagem protegida, mantendo-se a possibilidade de circulação de motos nas serras de Santa Justa, Pias, Castiçal, Flores, Santa Iria e Banjas, nos municípios de Gondomar, Paredes e Valongo. A proibição de circulação e de atividades desportivas e de lazer em moto foi abolida, passando a ser uma atividade condicionada, conforme é explicitado no diploma que classifica o Parque das Serras do Porto como Paisagem Protegida Regional, publicado no Diário da República n.º 53/2017, Série II de 2017-03-15.

Diploma que já entrou em vigor e cuja leitura do artigo 11.º da Secção II, referente aos “Atos e atividades condicionadas” esclarece os motociclistas quanto a diversos condicionalismos, nomeadamente:

Ler mais...

Contas aprovadas em...

noite de aprovação gastronómica

Numa das mais concorridas Assembleias gerais de que há memória no Moto Clube do Porto, os sócios aprovaram, por unanimidade, o Relatórios de Contas referente ao exercício fiscal de 2016. Contas apresentadas e analisadas de forma sucinta, mas com tamanho detalhe e pormenor, que poucas (ou nenhumas…) dúvidas geraram entre os associados. Que assim, depois de ouvirem atentamente a leitura das atas da anterior Assembleia geral bem como do Conselho Fiscal respeitante à análise das contas do MCP, votaram favoravelmente a aprovação das contas, concordando integralmente e sem qualquer ponta de dúvida com os valores apresentados.

Assembleia levada a cabo com a celeridade habitual nas sessões de março, a que se seguiu grande petisquice com prova de gastronomia tradicional preparada com muita arte e saber pelo famoso trio de “mestres tasqueiros”, os Zé’s. As moelas foram vedetas maiores numa noite bem diferente, onde a ousada conjugação de eventos resultou em delicioso ‘dois-em-um’…

E, assim, continua o Moto Clube do Porto na sua demanda pela inovação, trilhando novos caminhos na organização de passeios como dos mais diversificados eventos. Afinal, quem se lembraria de ‘rechear’ uma Assembleia geral com saborosas moelinhas?

Ler mais...

Trails ao Marão MCP/Ducati Norte

...com extensa caravana

001 Trails MCP DN Marao2017Foi com céu cinzento e piso molhado que os participantes do Passeio de Trails ao Marão MCP/Ducati Norte, deste domingo 12, foram chegando às instalações do patrocinador, na zona industrial do Porto, onde os esperava um excelente pequeno almoço.

Quando chegou a hora de partida já o deus Eolo se tinha encarregado de começar a “soprar” as nuvens e o azul já predominava no céu a caminho de Amarante onde nos esperavam mais alguns participantes.

Já com o extenso grupo completo (43 motos) foi tempo de explorar algumas “estradinhas” passando em Jazente e algumas aldeias preservadas da Serra da Aboboreira até se entrar nos trilhos de terra, pouco antes de passar na “Tasquinha do Fumo” (bem conhecida de alguns participantes) e percorrer as cumeadas até chegar ao Alto do Carneiro.

Ler mais...

Bifana da Noite em noite fria

Chuva não incentiva à participação

Com pouca escolha à disposição, o Júri constituido pelos sócios Amândio Fortunato, André Nunes e Fernando Ferreira, escolheram a Suzuki Gladius do recente sócio José Manuel, que teve direito ao respetivo Diploma e mini da praxe.

Claro que nestas noites, o interesse maior são os Petiscos da Alice (bifanas de caldo verde), que mais uma vez esgotaram apesar do reforço nas quantidades que tem vindo a ser feito mês a pós mês.

Ler mais...

Recordar o FIM Mototour of Nations 2016

Vídeo da Skyphoto mostra deleite mototurístico

de mais de duas centenas de estrangeiros no Norte de Portugal

Evento marcado de forma indelével no historial do Moto Clube do Porto como no coração dos mais de 200 motociclistas que de 8 a 11 de setembro participaram na 3.ª edição do FIM Mototour of Nations 2016, pode agora ser recordado no vídeo produzido pela Skyphoto. Imagens recolhidas e tratadas por Miguel Ângelo que, ao longo de vários minutos de contemplação mototurística, permitem apreciar as belas paisagens do norte de Portugal e o prazer de mais de duas centenas de motociclistas oriundos de França, Bélgica, Suíça, Grã-Bretanha, Dinamarca, Croácia, Irlanda, Holanda, Áustria, Canadá, Estados Unidos da América, República Checa, Grécia, Itália, Espanha e Portugal ao longo de dias muito bem passados no nosso País.

Organização pautada por grande sucesso, reconhecido por todos os participantes e representantes dos diversos clubes e federações presentes, que voltou a ser mencionado durante a Conferência de Comissões da Federação Internacional de Motociclismo, realizada a 11 e 12 de fevereiro em Genéve.

Onde, com grande surpresa, o Moto Clube do Porto recebeu das mãos da presidente da Canadian Motorcycle Association (CMA) o prémio Fulvio Callimaci Supporters Award pelo apoio prestado ao casal John e Beth Pineo, vítimas de grave acidente uns dias depois de participarem no FIM Mototour of Nations 2016.

A distinção entregue por Marylinn Bastedo a Nuno Trepa Leite vice-presidente do MCP e agora membro da Comissão de Turismo e Lazer da FIM, foi atribuída na Gala Anual realizada em Hamilton, Ontario, em que uma das mais antigas federações do Mundo, criada em 1946, comemorou o 70.º aniversário, e «visa distinguir a pessoa ou grupo que tenha apoiado ou promovido a CMA e o motociclismo em geral de forma excepcional».

Podes ver a nota publicada pela federação canadiana no seu boletim aqui

 

Motociclistas do fundo do coração

Canadian Motorcycle Association distingue Moto Clube do Porto

pelo enorme cuidado e dedicação a motociclistas estrangeiros

Com enorme surpresa durante a Conferência de Comissões da Federação Internacional de Motociclismo, a 11 e 12 de fevereiro em Genéve, o Moto Clube do Porto recebeu das mãos da presidente da Canadian Motorcycle Association (CMA) o prémio Fulvio Callimaci Supporters Award pelo apoio prestado ao casal John e Beth Pineo, vítimas de grave acidente uns dias depois de participarem no FIM Mototour of Nations 2016.

A distinção entregue por Marylinn Bastedo a Nuno Trepa Leite vice-presidente do MCP e agora membro da Comissão de Turismo e Lazer da FIM, foi atribuída na Gala Anual realizada em Hamilton, Ontario, em que uma das mais antigas federações do Mundo, criada em 1946, comemorou o 70.º aniversário, e «visa distinguir a pessoa ou grupo que tenha apoiado ou promovido a CMA e o motociclismo em geral de forma excepcional».

Deixamos aqui a nota publicada pela federação canadiana no seu boletim:

«Quando John Pineo e a sua esposa Beth sofreram um grave acidente em Portugal, ficaram mais de 5 semanas num hospital antes de terem condições de regressar a casa.

Durante todo este tempo, membros do Moto Clube do Porto organizaram-se para visitas quase diárias, levando frutas, pastéis e outros alimentos, mantendo contacto com a equipa clínica, tratando das necessidades de lavandaria e acompanhando-os ao aeroporto para garantir que tudo corria na perfeição, no seu regresso a casa.

O hospital fica a 70 quilómetros do Porto.

Um exemplo notável de excepcional apoio para com os seus companheiros motociclistas».

Motivo de grande orgulho para o Moto Clube do Porto que recorda agora o evento organizado no norte de Portugal, de 8 a 11 de setembro, com a publicação de vídeo realizado pela Skyfoto, de Miguel Ângelo. Minutos de contemplação mototurística que espelham o prazer de mais de duas centenas de motociclistas oriundos de França, Bélgica, Suíça, Grã-Bretanha, Dinamarca, Croácia, Irlanda, Holanda, Áustria, Canadá, Estados Unidos da América, República Checa, Grécia, Itália, Espanha e Portugal ao longo de quatro dias muito bem passados no nosso País.

Ver notícia com o vídeo

 

Foliões à centena no melhor Carnaval do Mundo

Festa sem igual na mais divertida noite do Moto Clube do Porto

Carnaval MCP 2017É a mais divertida das tradições do Moto Clube do Porto, a Noite de Carnaval e o seu monumental Baile de Máscaras, capaz de rivalizar em imponência e imaginação, com entrudos de outras paragens, do Rio de Janeiro a Veneza, do Mardi Gras de Nova Orleães ao britânico Notting Hill, passando, pois claro, por Ovar ou Torres Vedras.

Noite de folia marcada pela presença de uma centena de animados foliões que, desde bem cedo, começaram a aparecer na sede do MCP encarnando as mais diversas personagens, desde a forte presença do clero, com muitos frades, freiras e outros pregadores, bem protegidos por militares, Zorro’s e Ninjas e salvaguardados pela presença de enfermeiras, além da imponente dupla Ásterix e Obelix. Não fossem aparecer alguns romanos loucos... Também não faltaram hippies, de ambos os sexos e alguns de sexo mal definido, e até uma bem ornamentada floreira.

Ler mais...

Museu de Damião Cardoso surpreendeu…

Mas restaurante Palmeira encantou!!!

Este domingo, 26, foi dia de mototurismo puro, no Passeio a S. Pedro do Sul. Rolar em caravana pelas serpenteantes estradas da Serra da Freita com bom tempo; visita a uma coleção particular de motos antigas e almoçarada que durou mais de 2 horas, com qualidade e quantidade acima da média. Que mais pode pedir um motociclista para um domingo bem passado entre amigos?

A proposta era aliciante e as promessas de dia primaveril entusiasmaram os inscritos para o Passeio a S. Pedro do Sul, que, às 8 horas já marcavam presença na sede do Moto Clube do Porto, para um reconfortante café bem quentinho. À hora marcada, toca a fazer o briefing explicando como se ia passar o dia à meia centena de participantes. O “Chef de Group” do dia foi o Armando Moutinho, e foi ele que levou a caravana saindo rapidamente do Porto até Stª Maria da Feira, começando aí as estradinhas mais mototurística por S. João da Madeira, Carregosa, sempre com o destino apontado a Arouca, onde se fez uma paragem para outro cafezinho.

Ler mais...

3º Workshop de Condução Trails MCP/Mototrofa

Grande dia de aprendizagem para iniciados e habituais por caminhos  fora de estrada em Trails!

Dizem os antigos “Que ninguem nasce ensinado”, forma direta de referir que a experiencia faz a diferença. E neste contexto o Moto Clube do Porto, desta feita com o apoio da Mototrofa, voltou a realizar um evento destinado aos utilizadores de motos de filosofia Trail menos experientes em caminhos fora de estrada, mas bastante empenhados em ganhar experiencia. Após alguns dias bem chuvosos nas vésperas, o bom tempo deste domingo, 19 de fevereiro também marcou presença porporcionando alegria adicional.

Com o encontro marcado na Mototrofa, foi logo ao lado, em antiga passagem da linha de comboio na agora desativada estação de Bougado-Trofa que tiveram início os “trabalhos” com algumas explicações teóricas a cargo do “formador” Vasco Rodrigues, acompanhadas de algumas experiencias práticas que facilmente faziam a animação entre os participantes.

Ler mais...

“Buena York – 10 anos a desassossegar motards”

ou as grandes mudanças na vida de um viajante

Noite com Gonçalo da MataGonçalo Gil Mata desvendou na sede do MCP a nova edição do livro que resultou da grande travessia do continente americano

A longa e enriquecedora travessia do continente americano, entre Buenos Aires e Nova Iorque, foi apenas ponto de partida para mais uma animada noite na sede do Moto Clube do Porto, com a presença de Gonçalo Gil Mata. Viajante que, há 10 anos, atravessou sozinho mais de dezena e meia de países durante 7 meses, cumprindo sonho de quase 40 mil quilómetros aos comandos de uma supercarregada BMW R1150 GS.

A aventura, foi fonte de inspiração para muitos motociclistas, deu origem ao livro “Buena York” cuja reedição, em versão revista e aumentada com novos capítulos, foi apresentada perante o muito público presente na sede do MCP na noite de sábado. Espectadores que, atentamente, ouviram toda a descrição da viagem, desde a logística necessária a toda a preparação aos custos envolvidos, passando por aspetos práticos, pelos riscos inerentes e pelas mais diversas recomendações. Conselhos e histórias ilustrados com fotos de fabulosas paisagens, das mais inóspitas paragens do deserto do Atacama à frondosa floresta equatorial, recordando episódios entre o assustador e divertido.

Viagem cativante que, por outro lado, transformou por completo a vida de Gonçalo Gil Mata, que passou de engenheiro informático a desempregado voluntário, voltando à ‘vida ativa’ por porta bem diferente. O ‘coaching’ empresarial foi forma de transmitir experiência acumulada, que o motociclista portuense fez questão de abordar perante plateia muito atenta, descobrindo ensinamentos deveras importantes não só na preparação de uma viagem como nos mais diversos desafios quotidianos. Uma noite bem interessante (mais uma…), na sede do Moto Clube do Porto.

Ler mais...